Qual vinho harmoniza melhor com um prato de penne

Alguma dica para essa harmonização?

Molhos de tomate + Vinhos tintos italianos
Molhos com carne + Vinhos tintos mais marcantes
Molhos brancos + Vinhos brancos ou tintos delicados
Molhos com frutos do mar + Vinhos brancos e rosés
Molho pesto + Vinhos brancos leves e frescos

Molho de tomate
A dica é apostar no Camporsino Chianti DOCG — um Chianti tradicional, equilibrado e macio. Seu aroma é frutado, remetendo à cereja, com toques florais de violeta.

Molho à bolonhesa
A melhor opção para não errar é optar pelo Terroir Merlot. Esta casta é conhecida pelos aromas frutados que irão combinar a presença do tomate, mas evolui 8 meses em barricas de carvalho francês, aumentando sua potência e corpo, deixando o sabor mais tempo no paladar.

Molho branco
Pratos que combinam perfeitamente com vinhos brancos, especialmente os da uva Chardonnay, ainda mais os que evoluem em barricas de carvalho.

Molho pesto
Uma combinação de sabores tão característicos, nada melhor do que vinhos brancos frescos e leves, vamos de Sauvignon Blanc que a festa estará garantida.

Molho com frutos do mar
Vinho rosé será a melhor escolha! Invista em produtos frutados, florais e cheios de frescor, não comprometendo ou ofuscando os ingredientes usados no prato.

Molho quatro queijos
Escolha um encorpado Syrah, com seus aromas que remetem às especiarias ou até mesmo um Riesling, com notas de petróleo e acidez que “enche a boca de água”. Em qualquer uma das escolhas, a festa está garantida.

Molho cacio e pepe
Se for servir esse prato, a sugestão é fazer uma harmonização inusitada. Nesse caso, aposte no Terroir Gewurztraminer, que além de tudo possui incríveis notas florais.

Molho carbonara
A harmonização deve ser feita com vinhos de boa estrutura e que, preferencialmente, tenham passagem por barricas de carvalho mais tostadas. Neste caso, aromas defumados irão enaltecer a presença do bacon. Já ouviu falar na uva Marselan? Ela será uma ótima escolha. Agora, se você quer ser mais tradicional, Tannat ficará incrível com suas inconfundíveis notas de couro.

Molho funghi secchi
Nada melhor que um tinto cheio de aromas como o Pinot Noir ou mesmo um espumante mais seco como o Sur Lie, eleito o melhor espumante da América do Sul.

1 curtida